domingo, 13 de maio de 2018

Combinação perfeita

Domingo ao jantar, ninguém lhe apetece fazer jantar! Eu sei! É dia de lanche ajantarado, de petiscar o que há em casa, talvez de jantar enquanto se vê um filme ou... de fazer uma sopa branca para curar os exageros do fim de semana!
Pois aqui está uma sugestão fácil, super rápida de fazer e absolutamente deliciosa!
Quem gosta da combinação de pão, azeite, tomate e ovos... não vai resistir... a não ser aqueles que estão em registo de sopa branca!















Ingredientes (devem colocar as quantidades consoante as pessoas - para uma fatia de pão, um tomate e um ovo)
Pão (de preferência, de cereais, de sementes, ou centeio)
Tomate muito maduro
Azeite
Oregãos
Ovos
Salsa
Receita
Colocar, num tabuleiro de ir ao forno forrado com papel vegetal, fatias de pão regadas com azeite, fatias de tomate sem pele cobertas com um fio de azeite, oregãos e sal (usei sal rosa em lâminas com trufa). Colocar 10m a 15m no forno a 180º.
Entretanto, preparar tudo para escalfar os ovos, colocando água a ferver com sal numa panela. Podem escalfar os ovos, de várias formas. Podem recorrer a utensílios próprios para ajudar esta árdua tarefa. Desta vez, utilizei este mas também já fiz desta forma e ando a treinar para chegar aqui. De qualquer das formas, o ovo deve cozer apenas uns 3 a 4 minutos, no máximo.
Retirar o pão do forno, colocar num prato. Colocar o ovo em cima do pão, regar com fios de azeite, temperar com pimenta preta, finalizar com salsa picada e vinagre balsâmico.
Abrir o ovo e deixar que a gema escorra por todos os ingredientes!!! Uma maravilha.

Bom jantar e boa semana!

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Mousse de abacate e cacau

Uma agradável surpresa!
Confesso que hesitei... mas é mesmo bom!!!
Vi a receita no Casal Mistério e fiquei com curiosidade.
Adorei. É uma delícia e ainda nos sentimos bem porque estamos a comer algo docinho e muito saudável.
E é tão, tão fácil de fazer.
Podemos fazer antes das refeições para comer à sobremesa ou de manhã para levar para o trabalho e comer quando nos dá aquela vontade louca de comer algo doce!






























Partilho a receita mas, como quem conta um conto, acrescenta mais um ponto, acrescentei mais umas coisinhas... claro!

Basicamente, destruí a essência mega saudável da coisa! Mas podem evitar o recheio e a cobertura para comerem sem culpas! 🙈😉

Ingredientes
2 abacates maduros
4 colheres de sopa de cacau
3 a 4 colheres de sopa de geleia de agave
canela qb (opcional)
(... até aqui, versão mega saudável... daqui para a frente, versão saudável mas para gulosos)
4 bolachas Maria sem açúcar
amendoim torrado qb
raspas de chocolate branco qb

Receita
Coloque os abacates, o cacau, a geleia de agave e a canela num liquidificador ou na varinha mágica e processe tudo até ficar numa mistura homogénea e cremosa!
Esta é a parte surpreendente, esta mousse tem uma consistência perfeita!
Coloque a mousse em tacinhas ou copos e, se for guloso, intercale com bolacha Maria sem açúcar esmagada à mão.
Leve ao frigorifico para ficar bem fresquinho. No mínimo, uma hora. Antes de servir, finalize com amendoins e raspa de chocolate branco!
Para a próxima, vou colocar no congelador em copinhos mais pequenos! Aposto que fica muito bom!!

















Não esquecer que é uma receita para consumir no próprio dia porque o abacate é sensível e fica fresquinho no dia da abertura... mais tempo, estão a arriscar!
A sério! Experimentem! Aposto que vão gostar!





domingo, 17 de dezembro de 2017

Presentes de Natal

Presentes de Natal e muitas (mas mesmo muitas) receitas...
É assim o post de hoje, com muitas receitas do Workshop Natalício que fiz, ontem, a convite da Junta de Freguesia do Bonfim.
Tratou-se de um workshop de partilha de ideias simples para presentes com significado... aqueles que são feitos por nós.
Foi dado por mim e pelo Marcos Gouveia que ensinou a arte de Origami.
Juntamos a cozinha e o Origami.

























A ideia era fazer presentes que pudessem ser colocados em frascos ou garrafas para oferecer.
Havia presentes prontos a consumir - azeites aromatizados, mistura de especiarias e pasta de azeitona.
Mas também aqueles presentes que têm de ser terminados por quem os recebe - bolinhos de côco e granola. Não é uma ideia nova mas resulta sempre - os ingredientes secos nos frascos e a receita nas etiquetas. Podem usar esta ideia para qualquer receita que tenha, principalmente, ingredientes secos e cuja mistura desses ingredientes na receita é feita de uma vez só. Fica lindo para oferecer e é óptimo para quem recebe... basicamente já tem tudo medido e pronto a fazer.
O Marcos fez lindos Origamis e ajudou todos os participantes a fazer.




















Também partilhei ideias para tornar estes presentes mais bonitos mas cada um pode dar largas à sua imaginação.
Comprei o material em lojas que gosto muito do comércio tradicional do Porto e cujos preços são uma agradável surpresa. (Atenção - este post não é patrocinado por estas lojas.)
A decoração destes presentes está obviamente ligada ao Natal e fui buscar padrões da infância - o xadrez. Os tecidos, os carimbos e os cordões de lã foram comprados no Armazém dos Linhos, uma das minhas lojas preferidas - uma verdadeira tentação.
As etiquetas e as almofadas dos carimbos foram comprados na Papelaria Progresso. A maior parte dos packs de 50 etiquetas não chegam a 1€!
Os frascos e as garrafas foram comprados no Depósito da Marinha Grande. Frascos e garrafas têm preços irresistíveis. A título de exemplo, as garrafas custam 0,85€ e uma mais alta 1,45€!!!


Partilho convosco as receitas que fiz ontem e mais uma... a pasta de alho.
Para quem lá esteve, há uma enorme probabilidade das receitas terem uma ligeira alteração. Eu ajusto-me ao que sinto e ao que tenho. Os frascos eram mais pequenos e ajustei-me e senti. O filme Labor Day tem uma cena sublime dos protagonistas a fazer uma tarte de pêssegos e o Josh Brolin diz algo do género - as pessoas ligam tanto às receitas que se esquecem de sentir!
E é mesmo isto!

Receitas
Fiz a pasta de azeitona cuja receita podem ver aqui e servi com tostas para que todos os participantes pudessem provar. É deliciosa e tão (mas tão) simples de fazer.
















Azeites aromatizados
Colocar as ervas aromáticas e os ingredientes que queremos usar para aromatizar dentro das garrafas com a ajuda de um utensílio. Eu usei um garfo de fondue. Fiz vários azeites - um com tomilho fresco e casca de limão, outro com alecrim fresco, outro com manjericão e outro com óregãos frescos e alho.
Levar o azeite a lume brando até o azeite começar a movimentar-se. Não deixar ferver.
Colocar, com a ajuda de um funil, o azeite sobre as ervas. Deixar uns minutos aberto e fechar os frascos.




















Azeite picante à moda do meu Pai
Colocar num frasco com capacidade para cerca de 300 ml - azeite, cerca de 10 malaguetas abertas (das boas), 3 folhas de louro e whisky (uma chávena de café das mais pequenas).
Misturar tudo e já está.
À medida que o tempo passa o azeite vai ficando mais denso e mais picante. Mexer antes de usar - atenção que é poderoso! Quando o frasco estiver a meio, podem acrescentar mais azeite e mais um pouco de whisky. Podem fazer isto uma ou duas vezes. É maravilhoso este azeite.


Pasta de alho
130 gr de alhos
30 gr de gengibre fresco
15 gr de coentros frescos
10 gr de sal
100 gr de azeite
Picar todos os ingredientes com a varinha mágica. Colocar num frasco e cobrir com azeite. Conserva-se no frigorifico e usa-se para temperar.




















Mistura de Especiarias
Colocam num frasco as especiarias em camadas, sem medidas... Podem fazer de duas maneiras... ou colocam em camadas (alternando as cores) e não enchem completamente o frasco. Na etiqueta colocam a mensagem "por favor, agita-me" (como fiz) ou agitam antes de oferecer. Eu fiz duas misturas mas podem usar esta ideia para fazer qualquer uma.
Italiana - Salsa Seca, manjericão seco, óregãos, piripiri em pó, sal, pimenta, alho em pó, cebola em pó e tomilho seco.
Mexicana - Sementes de cominhos, pimenta caiena, açúcar, piripiri em pó, cebola em pó, alho em pó, paprika picante e sal.



Bolinhos de Côco e chocolate
30 gr de amêndoa sem pele e ralada
100 gr de açúcar
180 gr de côco ralado
50 gr de chocolate preto (partido em pedacinhos)
Colocar todos os ingredientes em camadas num frasco e colocar a seguinte mensagem - "junta 2 claras de ovo batidas em castelo, faz bolinhas e leva ao forno - 15m a 180º C."




















Granola de arroz puff (receita do livro O Meu Plano do Bem de Isabel Silva)
150 gr de arroz puff
100 gr de flocos de aveia
50 gr de amêndoas
50 gr de pistácios (como não gosto, troquei por avelãs)
50 gr de mistura de sementes
50 gr de côco ralado
2 c. de sopa de cacau em pó
açúcar mascavado q.b.
Colocar todos os ingredientes num frasco em camadas e colocar a seguinte mensagem - " mistura todos os ingredientes numa taça e acrescenta raspa e sumo de uma laranja. Levar ao forno a 150ºC durante cerca de 40m."
Não pensem em aumentar a temperatura nem deixar mais tempo porque o cacau vai queimar. Vão abrindo o forno e polvilhando com açúcar mascavado. A receita também tem 3 colheres de sopa de óleo de côco mas não costumo colocar.




















Espero que gostem e se divirtam a fazer todos estes presentes.
Obrigada ao Marcos, à Junta de Freguesia do Bonfim pelo convite e a todos os que estiveram presentes.
Bons preparativos para o Natal!!!









segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Um ano de Meia Malga

Passou um ano! É o 1º aniversário do Meia Malga!! 🎈🎈🎈 Yeahhhh!!!
















Hoje, um ano de Meia Malga e eu sem inspiração para escrever... é estranho. Estranho porque estou feliz! Feliz por ter concretizado um projeto e criado o Blog, por ter ganho muitas coisas boas, por ter conhecido novas pessoas, por ter vivido novas experiências, por ter aprendido coisas novas e por ter feito muitas descobertas!
Mas sem inspiração para escrever! Não acho normal... devia estar aqui a escrever um post brutal! Como o primeiro, aquele que há um ano atrás, mais ou menos a esta hora, tornei publico, partilhei nas redes sociais. Aquele primeiro que tantas mensagens e tantas palavras bonitas vos arrancaram e que tanto encheram o meu coração! Que momento espectacular, agora que me lembro! Eram altas horas da manhã e eu ainda recebia mensagens!
A vossa reação foi absolutamente surpreendente e deliciosa.
E eu, um ano depois, sem inspiração para escrever! Bolas!
Talvez porque os aniversários são sempre uma festa mas também um balanço! Talvez porque tenho mil e uma ideias e projetos na cabeça, vários posts "alinhavados", várias fotos tiradas e pouco tempo para partilhar tudo! Queria ter mais tempo para isso tudo! Mas, por aqui, não há pressas! Aqui, quem comanda o ritmo, sou eu!
Por exemplo, este post era para ser publicado logo de manhã! 7h da manhã... eram os planos! As fotos seriam umas fotos de pequeno almoço! Não deu! Li o texto e não gostei.
Depois era para ter sido publicado, na hora de jantar! As fotos seriam a sobremesa do vosso jantar! Não deu! Fiz e refiz o texto! Não gostei!
As palavras não me saiam... não gostava do que escrevia!
Agora que já escrevi isto tudo... percebi que as ideias começaram a sair e as palavras começaram a fazer sentido quando decidi assumir que estava sem inspiração para escrever. Nesse momento, começaram as palavras a sair da cabeça (ou do coração) para o teclado e... pronto, este texto, até aqui, foi feito de uma só vez! Sem edição!
É isto que faz sentido! É por isso que eu gosto deste Blog! Porque é meu, porque é o meu projeto, porque é um dos meus sonhos. Sai como eu quero e quando eu quero!
Assim, tenho um gozo tremendo!
E tudo faz sentido porque vocês estão aí desse lado!
Obrigada!
E, em dias de festa, põe-se uma mesa de festa para celebrar... nem que, pelas horas do post, seja uma ceia de sobremesas!😉 Nunca é tarde para festejar!!!
















domingo, 17 de setembro de 2017

Bolo de Laranja... e o regresso dos Bolos dos Noivos

Bolo dos Noivos - V

Estamos de regresso… às receitas dos Bolos do Noivos!

Para quem chegou agora ao Blog e não sabe o que é isto dos bolos do casamento… recuem um pouco e leiam o primeiro post do Blog. É incrível como o tempo voa! Já passaram mais de dois anos desde aquela aventura.
Na altura, quando seleccionei as receitas dos bolos do casamento, tive de escolher umas receitas fáceis, fáceis… para minimizar o risco da aventura! Escolhi algumas daquelas receitas que nunca falham!
E este bolinho de laranja nunca falha e é muito fácil de fazer!













É daqueles bolos excelentes para aqueles dias “Apetece-me um bolo mas não quero ter muito trabalho” ou para os dias “Caramba! Quem me mandou a mim dizer que fazia um bolo para a festa e agora não me apetece sair do sofá!” 😉

terça-feira, 11 de julho de 2017

Os tomates da horta e um jantar

Para quem ainda não sabe... existe uma ⌗hortameiamalga e podem espreitar aqui 😊
A horta é pequena e depois conto-vos tudo!
Mas agora quero falar de tomates fresquinhos, daqueles que sabem a tomate! Agora quero falar de passar as mãos pela ramagem dos tomateiros e ficar no ar um cheirinho delicioso... conhecem esse cheiro?
Eu adoro tomates e fiquei maravilhada com os primeiros da minha horta!
Numa manhã... a colheita dos meus tomates... da minha horta deu-me logo ideias para um jantar (leve) de petiscos para esse mesmo dia!












domingo, 19 de março de 2017

Camarão da Costa


Bom dia! Bom dia!
Hoje é Dia do Pai!
Que seja, para os Pais, um dia cheio de mimos, de atenção especial e muito carinho. Um dia repleto de brincadeiras, um dia que encham o coração de alegria e de orgulho nos filhos que têm, um dia que agradeçam a Benção de ser pais e um dia pleno do Amor dos seus filhos.
Que seja, para os filhos, um dia que digam ao Pai o orgulho que têm nele, que agradeçam a sorte de ter o Pai perto de si, que o encham de abraços e beijinhos e que repitam, vezes sem conta, hoje e sempre, que o adoram.
Que seja, para aqueles que já só têm o Pai no seu coração, um dia de agradecer, um dia de relembrar todos aqueles momentos especiais e um dia que o acolhem (ainda mais) no coração e, simplesmente, dizem baixinho que o amam.

E, hoje, o Pai merece uns petiscos especiais.














Camarão da Costa...Experimentem em casa! É uma receita tão simples e maravilhosa!